sexta-feira, 29 de janeiro de 2021

ESTUDANDO FILOSOFIA ESSENCIAL

                         Assistindo hoje de manhã, mais uma aula do curso online “Filosofia Essencial”, ministrada pelo professor Dr. Thiago Rodrigues Pereira, da Novo Liceu de Portugal, que hoje discutiu sobre o pensamento de Platão, no aspecto político, me chamou a atenção na ministração de hoje - que teve por título “A cidade perfeita – Formas de Estado e tipos de governo”, quando professor declarou que aquele filósofo acreditava que uma cidade perfeita seria formada por três classes de pessoas: 1ª) a dos lavradores, artesãos e comerciantes; 2º) a dos guardas e 3º) a dos governantes.

                   A primeira classe seria a base da sociedade, responsável pela produção de bens de consumo, inclusive obras de arte. No entanto, para Platão,  essa classe, sozinha não seria capaz de governar uma nação, por isso ele acreditava que seria necessário uma segunda, formada pelos guardas (ou guerreiros), representando a função de proteção a cidade-estado contra ofensas, guerras e conflitos gerados por outras cidades ou pessoas, procurando sempre manter a ordem dentro daquela nação. A terceira classe, seria formada pelos governantes (um conglomerado de pessoas) que deveria deixar seus interesses pessoais de lado e, juntamente com as outras classes procurar fazer um governo visando o bem comum.     

                   Para Platão, a Cidade perfeita seria aquela onde predominasse a temperança na primeira classe social, (a dos lavradores, artesãos e comerciantes), a fortaleza ou coragem na segunda (formada pelos guardas) e a sabedoria na terceira (formada pelos governantes). A "justiça" nada mais é que a harmonia e a virtude existente entre essas três classes.

                   Para o referido filósofo, a tirania é a pior forma de governo, pois a violência é quem predomina. A lei é o próprio tirano. Não existe limites para suas ações. A segunda forma ruim de governo é a democracia, pois o excesso de liberdade é quem predomina. Ela é representada por um Estado corrompido. Cita como exemplo a condenação do maior filósofo de todos os tempos, Sócrates que foi condenado a morte por um governo democrático. Para Platão, democracia é “o governo de cegos guiando outros cegos”.  

                    Ele (Platão) não acreditava numa democracia não corrompida (governo de muitos, que ele chamava de demagogia), pois não visa o bem comum, não utiliza a racionalidade na melhor forma. De maneira que, para ele, as melhores formas de governo seriam a Monarquia, desde que haja com respeito às leis; ou aristocracia, onde filósofos comandariam ou governariam a nação, sempre em busca do bem comum. Se o rei se corrompesse se tornaria um tirano, ou se a aristocracia se corrompesse, se tornaria uma oligarquia (onde as leis não são respeitadas). Tudo volta a girar em torno da filosofia, sempre em busca do bem comum.

                  Falo agora eu, não o filósofo. Em relação a “democracia” existente em nosso país, independente de quem esteja à frente do governo, o leitor poderá verificar se o que o filósofo disse acima se coaduna com a verdade. O que vemos em nosso país é uma democracia ou uma demagogia? Repito, independente de quem esteja à frente do governo. Da minha parte, concordo plenamente com o filósofo, sem a necessidade de acescentar qualquer comentário, o leitor,por si só, sabe identificar que o que vemos em nosso pais, passa por longe de uma democracia perfeita, repito, independente de quem esteja à frente do governo.

                    O curso online de “Filosofia Essencial” é ministrado pelo professor, Dr. Thiago Rodrigues Pereira e é composto de 20 módulos, cada um de três a cinco aulas, com temas os mais diversos, sempre destacando o papel da filosofia nos mais diversos ramos da vida humana; conta com o auxílio de slides, que o aluno pode baixar e salvar, bem como espaço para anotações do aluno. Ao final é fornecido um certificado de conclusão do curso.

                 Thiago Rodrigues Pereira é pós-doutor em Direitos Humanos pela Universidade Católica de Petrópolis - UCP, Doutor e Mestre em Direito pela Universidade Estácio de Sá - UNESA/RJ. É também palestrante junto à Motivação Palestras e associado da Associação Brasileira de Ensino à Distância - ABED.

                   É importante destacar que o curso não é gratuito.  O interessado paga um valor que é acessível para qualquer pessoa, e uma vez inscrito terá acesso ao curso por toda a vida, podendo assistir e rever as aulas quando bem entender. Recomendo a todos que pretendem aperfeiçoar seus conhecimentos e compreender mais um pouco sobre a vida e as muitas formas de visão que ela tem.

                   O interessado estudará de forma muito didática sobre Platão, Sócrates, Nietzshe, Aristóteles, Kant, Sartre, Spinoza e uma gama de filósofos que influenciaram o mundo e até hoje são estudados em escolas, faculdades e universidades em todo o planeta

                         Quem se interessar é só entrar em contato pelo endereço abaixo:

 .https://eadnovoliceu.com/filosofia-essencial-campanha

Nenhum comentário:

Postar um comentário